Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Estudo sobre Unção

Estudo sobre Unção

Graça e paz!

Buscando de Deus sobre Unção e ungir começaram a aparecer dúvidas
devido ao pensamento que as pessoas têm a respeito do assunto.

Primeiro quero começar com as situações onde eu tenho ouvido sobre
este assunto.

(Antes de começar, gostaria que quem se interessar, por favor sinta-se
a vontade de escrever, comentar e criticar como desejar, porém tudo o
que eu quero é chegar a uma conclusão e não terminar sempre discutindo
sem chegar a lugar algum.)

Quem nunca ouviu: poxa, vc sentiu a unção de Deus no culto de hoje?
que tremenda unção neste lugar! Uau! que palavra cheia de unção!

Alguém poderia me dizer o que é unção? Existe alguma forma de medir a
unção? Existe um unçômetro? (por favor, sopre aqui! Olha, seu nível de
unção hoje está 30% menor que no domingo passado!).

A palavra unção é citada no AT (Antigo Testamento), principalmente no
livro de Êxodo, do capítulo 25 ao 40. Nesses capítulos, a palavra
unção é citada como óleo da unção e este óleo é usado para dedicar ao
Senhor pessoas, vestimentas e utensílios do templo do Senhor, ou seja,
a unção funciona aqui como uma marca, um símbolo para separar algo
para ser usado somente para Deus.
Em alguns casos, esse óleo era usado em conjunto com o sangue de um
novilho (carneiro novinho), sem mancha ou doença. Sabemos hoje que
esse novilho representa a Cristo, no seu sacrifício feito por nós na
cruz.

Novamente a palavra unção aparece agora no NT (Novo Testamento), no
livro de I João 2:20. Agora, João diz: "...tendes a unção da parte do
Santo..." Nesse caso, entendemos que o Santo se trata de Jesus Cristo
e, que a palavra unção refere-se a salvação ou marca que os crentes em
Jesus têm. No versículo 27 deste mesmo capítulo, João refere-se a
unção como algo que recebemos de Cristo e "ela" (a unção), nos ensina
a permanecermos em Cristo. Estudando um pouco, fica fácil saber quem
Jesus deixou para nos ensinar assim que Ele subiu aos Céus. Em Atos
dos Apóstolos, no segundo capítulo do livro constatamos do que se
trata isso que a bíblia está falando: Do Espírito Santo. Em João 16:7,
Jesus fala do ajudador.

Fica assim constatado que o Espírito Santo é a unção de Deus em nossas
vidas hoje. É Ele quem faz com que o culto seja tocante aos corações e
com que as pessoas recebam a Cristo como Senhor e Salvador de suas
vidas (João 16:8).

Pergunta: Você pode sentir a unção de Deus num determinado lugar ou
momento? Você sabe explicar como? Com relação a Mateus 18:20, como
você justifica sua primeira afirmação?

Que Deus abençoe a todos e que todos possamos crer mais e sentir
menos. (Hebreus 11:6)


--
Phillipe Leão

Nenhum comentário: